Zoonoses

Zoonoses

As zoonoses definem-se como o conjunto de doenças que afectam os animais e que em certas condições podem transmitir-se ao Homem e vice-versa.

Hoje em dia, estas doenças constituem um problema de importância significativa pelas perdas económicas e pelo impacto que causam na Saúde Animal e na Saúde Pública.

PREVENÇÃO:

  • Controlo da infecção nos animais;
  • Higiene dos alimentos
  • Práticas de imunização;
  • Saneamento ambiental.

ERRADICAÇÃO:

  • Prevenção;
  • Controlo da doença;
  • Implementação de um sistema de informação e vigilância epidemiológica;
  • Conhecimento:
    • da doença;
    • das medidas e dos modos de precaução;
    • prevenção e de erradicação

PRINCIPAIS ZOONOSES RELACIONADAS COM OS ANIMAIS DE COMPANHIA:

-Origem bacteriana, vírica e fúngica:

EHRLICHIOSE
É uma doença infecciosa que afecta os cães e é causada por uma bactéria que pertence à família das Rickettsiaceae, género Ehrlichia e, geralmente, pela espécie Ehrlichia canis.

É transmitida pela picada de carraças (Rhipicephalus sanguineus) infectadas com a bactéria, na fase aguda da doença e os seus principais sintomas são:

  • Febre alta;
  • Cefaleias;
  • Mialgias;
  • Pode atingir rim, coração, cérebro;
  • Disseminação hematológica e linfática
  • Também afectar o sistema imunitário, podendo levar a infecções oportunistas como a candidíase. Se o tratamento for atrasado, a erliquiose pode ser fatal.

Prevenção e controlo:
Controlo da população de carraças nos animais, bem como no meio ambiente, através do uso de produtos acaricidas.

RICKETTSIOSES
Manifesta-se mais frequentemente nos meses de calor, e é provocada por uma bactéria – a Rickettsia.

Para atingir o Homem precisa primeiro de passar por outro mamífero (normalmente cães e roedores).
Após a picada da carraça, os primeiros sintomas surgem entre de 2 a 14 dias depois (geralmente, ao fim de uma semana).

É transmitida através da picada de carraças e os principais sintomas são:

  • Febre
  • Dores musculares e de cabeça
  • Náuseas
  • Vómitos
  • Perda de apetite
  • Posteriormente, aparecem manchas e pápulas que se disseminam por todo o corpo, incluindo nas palmas das mãos e plantas dos pés

Prevenção e controlo:
Controlo de parasitas no ambiente e nos animais domésticos.

DOENÇA DE LYME
A doença de Lyme (ou borreliose de Lyme) é uma doença causada pela bactéria espiroqueta Borrelia burgdorferi.

É transmitida geralmente a picada de uma carraça da espécie Ixodes scapularis infectada e os principais sintomas são:

  • Na zona da picada surge uma mancha vermelha arredondada
  • Inchaço dos linfonodos locais
  • Mal estar
  • Fadiga
  • Dores de cabeça
  • Febre
  • Calafrios
  • Rigidez do pescoço
  • Dores musculares e articulares

Prevenção e controlo:
-controlo de parasitas no ambiente e nos animais domésticos.

SALMONELOSE
Salmonelose é uma doença infecciosa provocada por um grupo de bactérias do género Salmonella.

É transmitida ao homem através da ingestão de alimentos e água contaminados.
Os alimentos contaminados apresentam aparência e cheiro normais e a maioria deles é de origem animal, como carne, ovos e leite.

Os principais sintomas são:

  • Diarreia
  • Dor abdominal
  • Febre.

Prevenção e Controlo:

  • Evitar alimentos crus
  • Lavar sempre os alimentos
  • Não tocar em fezes de animais
  • Lavar sempre as mãos

CAMPILOBACTERIOSE
É uma zoonose de distribuição mundial, existindo várias espécies patogénicas para os seres humanos.

O Campylobacter jejuni e o Campylobacter coli são as espécies mais frequentes, encontrando-se disseminadas na natureza e no tracto gastrointestinal de animais domésticos e selvagens.

Transmite-se através do contacto directo através de animais portadores, pela ingestão de carne crua ou mal processada (de aves, suínos e bovinos) e pela ingestão de leite não pasteurizado e água.

Os principais sintomas são:

  • Diarreia
  • Vómitos
  • Dor abdominal
  • Náuseas

Prevenção e controlo:

  • Evitar alimentos crus
  • Lavar sempre os alimentos
  • Não tocar em fezes de animais
  • Lavar sempre as mãos

TOXOPLASMOSE
É uma doença infecciosa causada pelo protozoário Toxoplasma gondii.

Este protozoário é facilmente encontrado na natureza e pode causar infecção num grande número de mamíferos e pássaros no mundo todo.
Pode ser transmitida pela ingestão de quistos presentes em dejectos de animais contaminados, particularmente gatos, que podem estar presentes em qualquer solo onde o animal transita, pela ingestão de carne de animais infectados (carne crua ou mal passada) ou por transmissão intra-uterina da grávida contaminada para o feto.

Os principais sintomas são (geralmente a doença é assintomática):

  • Aumento dos linfonodos locais
  • Febre
  • Dores musculares e articulares
  • Cansaço
  • Dores de cabeça
  • Alterações visuais
  • Patologias no feto (no caso de grávidas)

Prevenção e controlo:

  • Não ingerir carnes cruas ou mal passadas
  • Comer apenas vegetais e frutas bem lavados em água corrente
  • Evitar o contacto com as fezes de gato

RAIVA
É uma doença, provocada por um vírus, que afecta o sistema nervoso central e pode levar à morte em poucos dias, se a doença não for devidamente tratada.

É transmitida através da dentada de um animal contaminado. Apresenta como principais sintomas:

  • Paralisia de membros inferiores que se estende a todo o corpo
  • Depressão mental
  • Agitação, sensação de mal-estar
  • Febre
  • Salivação intensa
  • Contracções da garganta e do aparelho vocal

Prevenção e controlo:

  • Campanhas de vacinação dos mamíferos
LEPTOSPIROSE
É uma doença provocada por uma bactéria do género Leptospira.

É transmitida pela ingestão de alimentos contaminados. Apresenta como principais sintomas:

  • Febre
  • Dor de cabeça
  • Dores musculares
  • Vómitos
  • Diarreia
  • Tosse

Prevenção e controlo:

  • Medidas de controlo sanitário (principalmente contra roedores)
MICOSES
As micoses são infecções causadas por fungos.
Geralmente são transmitidas através do contacto com o agente. Apresentam como principais sintomas:

  • Prurido
  • Alopécia
  • Edema
  • Febre

Prevenção e controlo:

  • Evitar contacto com agente infeccioso
INFESTAÇÃO POR TÉNIAS
Doença provocada pelo número excessivo de ténias ao nível do tracto gastrointestinal.

É transmitida pela ingestão de alimentos contaminados com ténias. Apresenta como principais sintomas:

  • Diarreia
  • Obstipação
  • Magreza extrema
  • Insónia
  • Irritabilidade

Prevenção e controlo:

  • Impedir que os ovos de ténias sejam ingeridos por animais como porcos e vacas, ou que contaminem rios e lagos
  • Evitar comer carne crua ou mal cozida
  • Medidas higio-sanitárias

 

Quando a solução não estiver aqui, está lá!: 760 450 911

 

 

Logo Footer

O serviço Saúde Animal 24 é uma linha telefónica de apoio veterinário a funcionar 24 horas por dia....Saiba mais

NEWSLETTER


EMAIL

SIGA-NOS